Como um Obeso Consegue Emagrecer e Ficar Magro

A obesidade é uma condição médica na qual o excesso de gordura corporal acumulada pode ter um efeito negativo sobre a saúde, levando à redução da expectativa de vida e/ou aumento dos problemas de saúde. As pessoas são consideradas obesas quando o seu corpo índice de massa corporal (IMC) – uma medida obtida dividindo-se o peso da pessoa pelo quadrado da altura da pessoa – excede 30.

A obesidade aumenta o risco de várias doenças, principalmente doenças cardíacas, diabetes tipo 2, apneia obstrutiva do sono, alguns tipos de câncer e osteoartrite.

Dieta e atividade física são os principais pilares do tratamento para a obesidade. A qualidade da dieta pode ser melhorada através da redução do consumo de alimentos com alta densidade energética, como aqueles ricos em gorduras e açúcares, e também pelo aumento da ingestão de fibras alimentares. Alguns medicamentos podem ser tomadas para reduzir o apetite ou diminuir a absorção de gordura, quando utilizada em conjunto com uma dieta adequada e devidamente prescritos por um profissional da saúde. Se a dieta, os exercícios e medicação não são eficazes, existem alguns métodos que podem ajudar um obeso em sua busca pelo emagrecimento.

Balão gástrico

Trata-se da colocação de um balão esvaziado dentro do estômago por meio de uma endoscopia, e, em seguida, enche-o com uma mistura de soro fisiológico e azul de metileno, que vai inflar o balão. Caso o dispositivo se rompa, a substância azulada tinge a urina e denuncia o ocorrido, que deve ser comunicado imediatamente ao médico. Cheio, ele ocupa de 1/3 a metade do estômago, que passa a secretar menor quantidade de grelina, o hormônio da fome, reduzindo, assim, o apetite. O balão pode ser deixado no estômago por um período máximo de 6 meses e resulta em uma perda de peso média de 20kg. O balão gástrico pode ser usado antes da cirurgia bariátrica, a fim de ajudar o paciente a alcançar um peso que é adequado para a cirurgia, mais ele também pode ser usado em vários ocasiões, se necessário.

Gastroplastia

Também chamada de Cirurgia da Obesidade ou ainda de Cirurgia de redução do estomago, é, literalmente, a plástica do estômago (gastro= estômago, plastia= plástica). É uma cirurgia realizada em pessoas com o peso muito acima do ideal, os chamados obesos mórbidos. O estômago, que tem capacidade para cerca de dois litros é seccionado com um grampeador cirúrgico de maneira a se obter um novo estômago com capacidade para apenas 15 ou 30ml. Uma alça intestinal é anastomosada ao novo estômago para permitir a saída e a absorção dos alimentos que é chamada anastomose gastrojejunal. O funcionamento da cirurgia é através da restrição da ingestão de alimentos. O emagrecimento acentuado pode requerer cirurgias plásticas para a retirada do excesso de pele.

Cirurgia de bypass gástrico

Uma pequena bolsa estomacal é criada com um dispositivo grampeador e ligado ao intestino delgado. A parte superior do intestino delgado é então recolocada numa configuração em forma de Y. A operação é prescrita para tratar a obesidade mórbida (definida como um índice de massa corporal superior a 40), diabetes tipo 2, hipertensão, apneia do sono. A perda de peso resultante, tipicamente dramática, reduz acentuadamente os problemas acima.

Banda gástrica ajustável

A restrição do estômago pode também ser criada usando uma borracha de silicone, que pode ser ajustada através da adição ou remoção de uma solução salina através de uma porta colocada sob a pele. Esta operação pode ser realizada por laparoscopia. A perda de peso é predominantemente devido à restrição de ingestão de nutrientes que é criado pela pequena bolsa gástrica e a saída estreita. É considerado um dos procedimentos mais seguros realizados hoje, com uma taxa de mortalidade de 0,05%.

Reeducação alimentar

A mais saudável e recomendada forma de emagrecer e se permanecer magro. A reeducação alimentar é qualquer combinação de estratégias educativas, acompanhadas de suportes ambientais, destinadas a facilitar a adoção voluntária de escolhas alimentares e outros comportamentos relacionados com a nutrição propícios à saúde e bem-estar. A educação nutricional é entregue através de vários locais e envolve atividades do indivíduo, da comunidade, e dos profissionais que o acompanham.

A obesidade é uma das principais causa de morte evitável no mundo, com taxas crescentes em adultos e crianças. Autoridades veem como um dos mais graves problemas de saúde pública, o problema do século 21.