Como Tirar Riscos de Carro

Como Tirar Riscos de CarroTer um carro é conseguir um dos maiores patrimônios para qualquer pessoa, principalmente para os homens. E para preservar o nosso carro sempre tomamos o maior cuidado possível. Não deixamos ninguém dirigi-lo, ninguém pode encostar no carro. Sempre que vamos estacionar olhamos para todos os lados, enfim, uma infinidade de cuidados que não tem como serem descritas num artigo. Mas, o que mais dói é quando um risco aparece no nosso carro e nós nem sabemos de onde ele veio. E para tirar esse risco do carro é sempre um carma, quando não temos que mandar pintar a porta inteira. Mas, se o risco não for tão profundo, existem algumas maneiras para que seja possível disfarçá-lo. Saiba como lendo o nosso artigo e se livrando de algumas riscos indesejáveis no nosso bem tão precioso.

1. Compre uma cera em pasta e dê uma bela polida no seu carro. Essa é uma das maneiras que você pode fazer com que alguns riscos superficiais saiam do seu carro. Compre uma cera em pasta, passe no local atingido e espere que ele fique um pouco mais firme. Com a ajuda de uma estopa, faça bastante força sobre o local afetado e torça para que esse risco saia. Se não sair, você terá que apelar para outros métodos.

2. Vá a uma funilaria e peça uma pintura para repaginar. Às vezes, o risco não corroeu toda a tinta e com um pincel bem fininho os funileiros conseguem que o risco do carro seja, ao menos, disfarçado. Depois que ele pintou, faça o mesmo processo que falamos acima, mas não com tanta força para que a tinta não sai juntamente com a cera.

3. Se nada disso funcionar, parta para a última opção. Se as duas opções que nós demos logo acima não funcionares só haverá um jeito para que o seu carro volte a ficar novo em folha. Mande pintar a parte atingida, pois certamente o risco foi muito profundo e atingiu toda a camada da tinta. Prepare-se também para desembolsar uma boa quantia em dinheiro, pois a pintura terá que ser feito por completo.

Agora é com você. Tente essas duas primeiras maneiras que nós ensinamos, mas se mesmo assim não der certo, a única coisa que poderá ser feita é a pintura total da parte que foi riscada.