Como Funciona Energia Nuclear

Como Funciona Energia NuclearNós temos uma diversidade de tipos de energias, muitas mesmo, temos as mais usadas e as menos usadas. Toda energia é claro tem os seus prós e contras. Temos a energia eólica que capta energia do vento, temos a energia solar que capta a energia do sol, a hidráulica que capta da água, mais necessariamente dos rios com suas hidrelétricas e temos também a energia nuclear. Falaremos agora sobre a famosa energia nuclear, muito utilizada em alguns países e em outros nem tanto.

As usinas nucleares geram cerca de 16% da eletricidade do mundo. Alguns países dependem muito da energia nuclear como a França que utiliza cerca de 75%da eletricidade gerada pelas usinas nucleares.

Nos EUA eles utilizam 23% de energia nuclear e no Brasil as usinas de Angras dos Reis geram apenas 3% do total de nossa eletricidade. Claro que em muitos países são proibidos ou tentam proibir o enriquecimento de urânio, como alguns países do Oriente Médio, sendo que seus inimigos têm medo que eles utilizam essas usinas pra fabricarem bombas nucleares. Se você quer saber como funciona a energia nuclear veja a seguir e aprenda.

1. Onde ela é encontrada. Ela precisa ser encontrada pra ser produzida e a energia nuclear é encontrada na força que mantém os componentes dos átomos unidos. A partir disso ela pode ser produzida em grande escala.

2. Do que os átomos são compostos. Algo que aprendemos ainda quando jovens nas aulas de química é do que os átomos são compostos. Eles são compostos por prótons, elétrons e nêutrons. Ocorrendo a separação destes elementos uma grande quantidade de energia é liberada formando a energia nuclear.

3. Qual a sua fórmula. A sua quantidade pode ser definida através da famosa fórmula de Albert Einstein: E=m.c². Onde a letra E é a energia liberada, o m é a massa total de átomos da reação e o c é a velocidade da luz.

4. Como se retira a energia. Uma das maneiras de como se retira a energia é através da fissão nuclear.  Ela vai ocorrer quando um átomo é bombardeado por nêutrons. Depois disso, o átomo que foi bombardeado aumenta muito a sua massa, o que vai acabar contribuindo para a sua instabilidade.

Ele ficando instável acabará se dividindo em dois novos átomos, gerando assim alguns nêutrons livres, estes nêutrons bombardeiam novos átomos gerando assim uma reação em cadeia que vai ser capaz de produzir grandes quantidades de energia, Criando assim a energia nuclear.