Como Fazer uma Música

Como Fazer uma Música Escrever uma música pode ser mais difícil do que parece. Para você conseguir, precisa de uma combinação de inspiração, prática e técnica. Muitas vezes a ideia para a música vem a sua cabeça de forma quase aleatória, mas essa não é a regra. Sente-se com um caderno na mão e, se souber tocar, um instrumento. Neste artigo ensinaremos como fazer uma música.

1. Tenha uma inspiração. Toda música começa com uma inspiração. Isto é complicado de controlar, mas são assim que as grandes músicas surgem. Sua inspiração pode ser uma situação que você passou, seus sentimentos, desejos, vontades. Quando você possuir uma base, comece a trabalhar com ela.

2. Explore essa sua ideia. Escreva tudo que venha a sua cabeça. Quando estamos neste processo, muitas coisas vem a mente, o ideal é anotar para que não esqueça. Se você sabe tocar um instrumento, procure uma progressão de acordes que se encaixe com a letra. Esta atividade pode ser feita em dupla, se você não souber tocar um instrumento chame alguém que saiba para te auxiliar.

3. Vá gravando suas ideias. Você pode usar um gravador simples para ir gravando conforme vai desenvolvendo a música. O importante é não deixar que uma boa ideia seja esquecida.

4. Comece a escrever a introdução da música. Normalmente a primeira parte da música a ser feita é o refrão ou outros versos. Quando possuir um desses dois bem estruturados, trabalhe na introdução da canção.

5. Vá expandido suas ideias iniciais. Agora que você já possui uma estrutura básica, vá finalizando a letra e a melodia. Alguns defeitos da letra ou harmonia só serão percebidos tocando a música.

6. Finalize a música. Depois de tocá-la várias vezes e ter certeza que ela não possui erros, você pode gravá-la. Existem programas de computadores que te ajudarão a tratar o áudio se você não possuir acesso a um estúdio profissional.

Dicas:

  • Tenha uma base musical. Tudo que você escuta serve como repertório que influenciará suas criações. Claro que você não deve copiar seus artistas favoritos, mas encorpore em suas músicas características que te agradem.
  • Mostre-a para outras pessoas. Escute as críticas que elas possam ter, mas tenha em mente que gosto musical varia muito, então o que pode ser bom para você, pode não ser para os outros.