Como Fazer Comida Japonesa

Como Fazer Comida JaponesaA cada dia que passa, a comida japonesa fica mais famosa e apreciada em todo o mundo. O que antes causava controvérsias por conta do “peixe cru”, já está muito mais popular a ponto de nos aventuramos a tentar fazer essas iguarias em casa. Na verdade, a culinária japonesa tem algumas particularidades que não podem ser deixadas de lado, e falaremos dela para explicar como fazer comida japonesa.

  1. Ferramentas específicas. A primeira e mais importante particularidade está nas ferramentas usadas. A faca de corte, por exemplo, é retangular e muito afiada. No Brasil, encontramos essa faca com os nomes de “faca japonesa”, “faca sushiman” ou “faca sashimi”, e é uma ferramenta essencial para tirar os precisos e característicos cortes de pratos como o sushi e o sashimi. Além da faca, uma ferramenta essencial para fazer o makimono, por exemplo, é a esteira, que é essencial para enrolar os ingredientes dentro das algas para que depois se faça o corte.
  2. Molhos e sabores específicos. Uma cozinha que prepara comida japonesa deve ter o cheiro característico dos temperos usados em quase todos os pratos. O arroz, assim como o sunomono e outros legumes, é um parceiro muito próximo do vinagre agridoce, um vinagre de arroz cozido com sal e açúcar, sabor muito característico. Além disso, para o tempero das carnes o molho shoyu é essencial para caracterizar o prato. E, para os aventureiros, o wasabi (raiz forte) é sempre um acompanhamento essencial.
  3. Ornamentação e apresentação. Qualquer pedido em um restaurante japonês é acompanhado por uma apresentação com legumes típicos, que viram também um complemento ao prato. O mais comum, usado com o”cama” para sashimis, por exemplo, é o rabanete em fios. Um rabanete simples e cru, cortado em forma de fios e deixado apenas de molho antes de servir. Há também o delicioso gengibre, que passa dias dentro da já comentada mistura de vinagre agridoce, que além do visual, confere uma picância essencial para o prato. Por fim, o ornamento essencial é a salsa japonesa, uma espécie de salsinha menor e mais ornamental.