Como Evitar o Ronco

Como Evitar o RoncoSó quem dorme com outra pessoa sabe o quanto é chato o ronco. É um incômodo complicado, que não vai embora, perturba o sono e nos deixa irritados na maioria das vezes.

Dados apontam que metade dos casais do Brasil sofre, sim, com o ronco dos seus parceiros. As apneias – que é aquela interrupção da respiração durante o sono – também tem sido apontada pelos casais.

É importante saber as causas do ronco, pois ele pode ser originado de várias formas. A obesidade, o envelhecimento e o estilo de vida colaboram, e muito, para o desenvolvimento do barulho durante o sono. Além disso, essas pessoas têm mais chances de desenvolver doenças do coração, como arritmias, pressão alta e até infarto.

Algumas precauções podem ser tomadas para evitar o ronco.

1. Perca peso. A gordura na região do pescoço, tórax e abdômen aumentam o ronco e as apneias, porque bloqueiam a passagem de ar nas vias aéreas.

2. Reeduque a sua alimentação. O consumo correto de alimentos com os exercícios físicos são uma ótima forma de perder peso. Apenas evite se exercitar pouco tempo antes de dormir.

3. Evite bebidas alcoólicas antes de dormir. O álcool relaxa os músculos da garganta e aumenta a intensidade do ronco e a apneia durante a noite.

4. Não fume. Isso não deve ser feito nunca, aliás. O cigarro provoca inflamação da úvula – a campainha da garganta – e dos tecidos da faringe, o que representa mais um fator que prejudica a passagem do ar na região da garganta.

5. Coma coisas leves no jantar. Isso ajuda muito na redução do ronco. Dormir de estômago cheio causa desconforto abdominal e obriga a pessoa a dormir de barriga para cima. Nesta posição o ronco é mais intenso em razão do relaxamento dos músculos.