Como Cuidar de Peixes de Aquário

Como Cuidar de Peixes de AquárioA qualidade da água, especialmente a oxigenação adequada, é o aspecto mais importante do aquário ao cuidar de peixes tropicais. No entanto, há muitos fatores que podem influenciar e determinar a sua saúde do seu peixe de estimação. Nesse post você vai dicas importantes de como cuidar do peixe de aquário.

1. Saiba escolher um bom aquário. Compre um aquário de qualidade da água capaz de medir o pH, temperatura, teor de oxigênio dissolvido, níveis de amônia, níveis de nitrato e salinidade da água.

2. Cuidado com a temperatura. Evite ajustar a temperatura da água abruptamente. Peixes de aquário têm estreitas faixas ideais de temperatura e não costumam tolerar mudanças bruscas no meio ambiente.

3. Tenha atenção com a fluxo de ar. Regular uma taxa de fluxo de ar de 2 litros por hora, por litro de água.Controle do fluxo de ar com um sifão.

4. Mantenha uma alimentação balanceada. Fornecer uma dieta adequada, que tem 30-36 por cento de proteína, quantidades percentuais de gordura e baixo de carboidratos. Certifique-se a comida de peixe também contém aminoácidos essenciais necessários.

5. Cuidado com a ração. Alimente seus peixes quantidades apropriadas com base no tipo e quantidade de peixes no aquário. Uma fórmula geral é alimentar ração 10g a 50 tropical adulto ou peixes de água doce por mês, mas verifique com especialistas.

6. Evitar excessos alimentares. Em grandes quantidades, o excesso pode resultar em má qualidade da água por causa do excedente de alimentos flutuando no tanque.

7. Mantenha a ração em local limpo. Armazenar alimentos em recipientes resistentes à umidade e coloque em um local fresco e seco.

8. Atenção a validade dos alimentos. Mantenha os alimentos congelados por não mais do que três meses.

9. Atente para a iluminação. Equipe aquários com iluminação adequada para evitar a acumulação de calor e do crescimento excessivo de algas. Use uma luz recomendado para uso em aquários. Compre filtros de luz que adaptam o aquário a mudanças abruptas de iluminação, uma vez que a mudança pode causa estresse em seus peixes, provocando disfunções hormonais e até mesmo influenciando na alimentação.

10. Mantenha o aquário coberto. Caso você resida em locais com uma alta concentração de poluição, cubra o aquário para evitar a contaminação e para minimizar as flutuações de temperatura. Uma tela própria para aquário impede que gatos tentem fisgar algum peixinho.

11. Troque a água no tempo certo. Você irá precisar mudar cerca de 20 por cento da água a cada 30 dias.

12. Seja observador em relação ao aquário e aos seus peixes. Observe as condições do aquário por pelo menos duas vezes ao dia, sempre atentando para pontos importantes para a qualidade de vida do seu peixe, como a temperatura, a iluminação, o aspecto da água, a influência externa em relação ao peixe. Evite colocar o aquário em áreas barulhentas e empoeiradas da casa. O barulho em excesso pode assustar e estressar o peixe assim como a poeira da casa pode cair no aquário provocando sérias complicações ao seu peixe. Lembre-se de constantemente não só limpar o aquário mas também os cômodos, moveis, prateleiras que fiquem perto do aquário. Essas medidas o ajudarão a manter a qualidade de vida do peixe.